EMERJ

Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro

ícone da bandeira que traduz para o idioma Espanhol ícone da bandeira que traduz para o idioma Francês ícone da bandeira que traduz para o idioma Inglês ícone da bandeira que traduz para o idioma Português

FALE CONOSCO

Magistrados

Eventos

Cursos Abertos

Publicações

Portal do Aluno

Concursos EMERJ

EMERJ Virtual

Núcleos de Pesquisa

Fale Conosco fale conosco

Instalações da EMERJ

Nos primeiros tempos, a EMERJ funcionou como uma escola itinerante, utilizando as dependências do Tribunal de Justiça do Rio, do extinto Tribunal de Alçada Cível e da Universidade do Estado do Rio de Janeiro – UERJ. Em 1995, com a construção da Lâmina II do Tribunal de Justiça e o aproveitamento da área sobre o antigo prédio, a EMERJ ganhou sua primeira sede, no 4º andar do Fórum Central. Em 2012, a Escola da Magistratura passou a ocupar o prédio histórico da Rua Dom Manuel, 25, nas imediações do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, Centro do Rio. O edifício foi construído no final do século XIX para ser a sede da Caixa Econômica. Em 1940, passou a ser utilizado pelo antigo Tribunal de Justiça do Estado da Guanabara, para as Varas de Acidentes de Trabalho, Cartório de Registro Civil e Casamentos (Pretórios). A partir de 1960, o prédio foi ocupado pela Procuradoria Geral do Estado do Rio de Janeiro (PGE), passou por obras de modificação, até ser cedido ao Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro pelo governo estadual para sediar a Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro (EMERJ).

Prédio da Emerj em 1887 e em 1942

1) Prédio da Emerj em 1887, quando foi sede da Caixa Econômica e do Monte de Socorro * Foto/Fonte: http://www.ibamendes.com/2012/08/fotos-gravuras-antigas-do-riode_31.html * As caixas econômicas e os montes de socorro eram entidades voltadas, respectivamente, para as atividades de poupança e empréstimos garantidos por penhor para os mais pobres.

2) Prédio da EMERJ, em 1942, quando abrigou a Pretoria do antigo Tribunal de Justiça do Estado da Guanabara FOTO: COLEÇÃO FAVERET/ARQUIVO GERAL DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Fonte: Procuradoria Geral do Estado do Rio de Janeiro – PGE-RJ/MemóriaPrédio da EMERJ em 1999 e Prédio Anexo ao TJRJ

3) Prédio da EMERJ em 1999, quando era sede da PGE-RJ. Foto: Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro

4) Prédio Anexo ao TJRJ, onde a EMERJ teve a sua primeira sede, no 4º andar do Fórum Central Foto: Associação dos Magistrados do Estado do Rio de Janeiro (AMAERJ).